10 MOTIVOS PARA APRENDER O XADREZ

Desenvolvendo a memória, a concentração e o raciocínio lógico, o xadrez estimula o aprendizado.

Quais são as vantagens de aprender o xadrez?

  1. O xadrez estimula o raciocínio lógico;
  2. O xadrez ativa a concentração;
  3. O xadrez desenvolve a tomada de decisões;
  4. O xadrez aguça a memória;
  5. O xadrez trabalha a paciência;
  6. O xadrez demanda a capacidade de planejamento;
  7. O xadrez aumenta a autoconfiança;
  8. O xadrez proporciona o respeito ao adversário;
  9. O xadrez exige responsabilidade;
  10. O xadrez instiga a imaginação e a versatilidade.

O xadrez, que surgiu no Sudoeste da Europa na segunda metade do Século XV, é muito mais que um jogo. Como bem definiu o escritor Johann Wolfgang Goethe, há mais de dois séculos: “O xadrez é um excelente exercício mental”. Tal frase é comprovada por estudos como o da Universidade de Hong Kong, que provou por meio da pesquisa do Dr. Yee Wang Fung que os estudantes que jogam xadrez têm uma melhoria de 15% em provas de matemática após o início da prática. Na Venezuela, o projeto Learning to Think Project concluiu que até mesmo o QI de uma criança pode ser aumentado por meio do treino do xadrez. Além disso, a pesquisa de William Levy, do Departamento de Educação de Nova Jersey, nos EUA, mostra que o jogo interfere também em questões pessoais, como a autoestima e confiança.

Não à toa, a UNESCO mantém o Comitê de Xadrez Escolar, responsável por integrar a modalidade nas escolas e instituições de ensino e visar que a prática seja pedagogicamente produtiva. São inúmeras as vantagens da prática do xadrez, porém as mais verificadas são o desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático, atenção e concentração, memória e a criatividade.

Concluímos então que o jogo é uma excelente prática complementar, pois interage com diversas disciplinas escolares como a matemática, a história e até idiomas. “Ele é jogado há centenas de anos da mesma forma em vários países diferentes, o que permite um conhecimento da história por meio da evolução do jogo. Além disso, sua difusão pelo mundo permite a interação com jogadores de outros países que falam a linguagem do xadrez em seu idioma, o que facilita o aprendizado de cada língua”, diz Horácio Prol, presidente da Federação Paulista de Xadrez.

É importante lembrar que o jogo vai além das questões acadêmicas. Estudá-lo estimula também a imaginação, o planejamento e trabalha valores como responsabilidade, autoconfiança, respeito ao adversário e paciência, além do que no xadrez, a atenção e a habilidade espacial também são exigidas durante uma partida.

Fonte: http://educarparacrescer.abril.com.br/aprendizagem/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *